Sempre tive muita admiração pela meditação, mas nunca tive força de vontade suficiente para começar. Comecei quando, em um determinado momento da minha vida, comecei a ficar muito ansiosa e percebi que essa ansiedade estava tomando uma proporção muito grande e ruim no meu dia a dia, que me atrapalhava e tomava conta da minha mente. 

A meditação, então, foi uma solução. E, por isso, quero compartilhar aqui algumas coisas que fiz para começar a meditar e espero, assim, poder te ajudar a começar também. Vamos lá...



1. Comece por meditações guiadas


Se você nunca meditou na vida, provavelmente nem sabe por onde começar. Por isso, iniciar esse processo através de meditações guiadas é algo facilitador. Existem vários vídeos e áudios na internet de meditações guiadas, eles consistem em uma voz que vai te dar instruções do que fazer. Por exemplo, te dizer o modo de controlar a respiração, prestar atenção em algo em específico e por aí vai, depende do conteúdo que você estará ouvindo. É só dar um Google!



2. Escolha um horário do seu dia 

Para a meditação dar resultados consistentes e significativos na sua vida ela deve se tornar um hábito. Sendo assim, uma dica legal é escolher um horário livre do seu dia para meditar. Não tem desculpa de não ter tempo, você mesmo pode fazer seu horário. Eu gosto de meditar antes de dormir, é o momento que minha mente está mais cheia, sendo assim, é uma forma de me acalmar e ainda ter uma boa noite de sono. O período da manhã também é ótimo, significa acordar já treinando a mente e se preparando para o resto do dia. Resumindo, encontre um horário possível e favorável para você e busque, ao máximo, ter uma frequência



3. Baixe algum aplicativo 

Alguns aplicativos de meditação podem ser ótimos amigos para quem está começando e precisa de uma forcinha para não desistir. Atualmente eu uso o aplicativo Lojong. Nele você pode entender um pouco da teoria da meditação, ter meditações guiadas ou sozinhas. Você pode definir o tempo que quer ficar meditando e ainda escolher se quer alguma música de fundo, como, por exemplo, barulho de chuva. Além disso, o aplicativo monitora sua frequência de meditações e notifica você quando você está muito tempo sem meditar. 



4. Se esforce para conseguir

Para criar um hábito temos, antes de qualquer coisa, ter força de vontade. Já ouvi várias pessoas dizendo que a meditação não dá resultado tão rápido ou que não têm tempo para meditar. É preciso entender que a meditação é um processo de crescimento, um treino da nossa mente e, por isso, é preciso calma e paciência. Precisamos querer modificar nosso modo de lidar com as situações, mudar nossa forma de ver as coisas. Isso só nós podemos fazer. 



Quer aprender a meditar de uma forma ainda mais fácil? 
Conheça o Treinamento Online de Meditação

Esse é um curso de meditação que possui tudo isso que falei aqui no post em um lugar só. É um espaço para quem quer aprender a meditar mas não sabe por onde começar. É dividido em sete módulos (entre eles lições em textos, vídeos e documentários, meditações guiadas, entre outros) e possui meditações para serem feitas diariamente. 


Comece o curso! Clique aqui 


Gostou do post? Escreva nos comentários qual sua experiência com meditação...


Postar um comentário

Contact

Instagram

© Maggie, yeah!
Design by The Basic Page